Vivência e culinária indígena no Giramundo neste sábado

Compartilhe:

capa giramundo índiosO Dia do Índio é comemorado em 19 de abril no Brasil; no cenário internacional, os povos indígenas são lembrados em 9 de agosto.  Para celebrar a data, o Giramundo Bistrô & Music Bar antecipa as comemorações neste sábado (dia 21 de julho), enfocando a preservação e valorização da cultura indígena no meio urbano. Para tanto, estarão presentes representantes dos povos pataxó, quéchua, pankararé, mura, fulni-ô, guarani, pankararu, terena, kariri-xocó, tupinambá.

De acordo com Ariani Sudatti, proprietária do Giramundo e ativista de causas indígenas expressas em participação em eventos no País (canoada Bye Bye Xingu; vivência na aldeia Kariri-Xocó; inclusão digital da aldeia de Miratu, na Volta Grande do Xingu; militância jurídica na área de Direitos Humanos; organização de cursos sobre a temática indígena), a programação terá início no fim da manhã e se estende até o fim da tarde com exposição de artesanato, rituais, danças, cantos, rodas de conversas, debates.

GASTRONOMIA

A culinária também será um dos pontos altos. A casa estará com cardápio temático: mandioca frita, assada, caldo de batata doce, bolo de amendoim, pão de mandioca, milho verde in natura, caldo de milho verde, bolo de milho serão servidos em bufê com prato à la carte: moqueca de peixe. Em panela de barro, a moqueca será preparada por Tamikuã, representante da etnia pataxó.  O público também poderá optar pelo cardápio tradicional da casa (carne vermelha, frango e os menus vegano e infantil).

PARCERIA

A organização do evento no Giramundo é em parceria com a ONG Opção Brasil, que terá a renda da entrada (R$ 15, ingresso antecipado e R$ 20, no dia do evento) para suas ações. A ONG  está sediada em São Caetano desde 2001 e tem como coordenador Marcos Aguiar.  Aguiar conta que a ONG atua com juventude, integração latino-americana, mobilidade, educação, cultura e diversidade e conta com o programa Índios na Cidade.

“Esse trabalho se especializou em debater a presença dos indígenas que vivem em meio urbano e fora das aldeias no Brasil, visando dar voz e vez a esta parcela invisível da população e fazer com que a sociedade busque reconhecer o indígena como ele é, e não como a sociedade a projeta”, destaca Aguiar.

PROGRAMAÇÃO:

– 10h: abertura ritual com os indígenas presentes;
– 12h: abertura ao público em geral 
– Das 10h às 18h: cantos Andinos com Lino Huaman e cantos Indígenas com os vários povos presentes;
– Das 12:30h em diante: culinária indígena e não-indígena sendo servida;
– 13h: em diante: momentos de fala sobre culinária indígena;
– 14h: bate-papo sobre a realidade dos indígenas que vivem no meio urbano.
-15h: cantos e danças 
– 17h: encerramento

GIRAMUNDO BISTRÔ & MUSIC BAR

Rua Olegário Herculano, 235, São Bernardo (travessa da Avenida Kennedy)

O valor dos convites (couvert artístico) de forma antecipada é R$ 15. No dia, o valor será R$ 20.

Valor do almoço (bufê + prato principal): R$ 35 + taxa de serviço do garçom

Sobremesas serão servida à parte

Venda antecipada de ingresso:

Posts relacionados

Deixe um comentário: