Tecnologia eleva importância da saúde bucal para a sociedade

No Dia Mundial do Dentista, profissionais destacam que o avanço da Odontologia possibilita a conscientização dos pacientes

Um sorriso bonito abre portas. E para garantir a saúde bucal, o dentista é o profissional mais indicado. Hoje (3 de outubro), quando é celebrado o Dia Mundial do Dentista, o Estilo Angélica conta histórias de profissionais de diferentes gerações que atuam no Grande ABC. Em comum, a atenção e o cuidado com a dentição das pessoas, além da opinião de que a tecnologia mudou a forma como a profissão é vista pela sociedade.

Formado em 1964 pela Faculdade de Odontologia de Lins, Hiromassa Iwai é profissional antigo na região. Desde 1965 mantém o Centro Odontológico Iwai, no bairro Rudge Ramos, em São Bernardo, e viu a área se desenvolver ao longo dos anos. “A tecnologia facilita o trabalho e a anestesia diminui o medo que os pacientes costumam ter do dentista, pois há menos dor na realização dos procedimentos”, garante.

dentista-hiromasa-1

Hiromassa Iwai com o filho Marcius Iwai: família conta com 20 dentistas

A paixão pela Odontologia fez Iwai inspirar vários parentes a seguirem a profissão. “O primeiro dentista da minha família foi meu cunhado Rubens, que aprendeu na prática, sem curso superior. Hoje somos em torno de 20 familiares atuando na área, inclusive dois dos meus filhos e vários sobrinhos e cunhados.”

 

dentista-hiromassaeni-galentearon-galente-e-ramiro-neves

Hiromassa agradece o ex-prefeito Aron Galante, sua mulher Eni, e o ex-deputado Ramiro Neves por apoio na construção de sede da APCD

Hiromassa destaca que sempre acreditou que uma classe trabalhadora organizada consegue grandes conquistas e realizações. Por isso, desde o início participou da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões Dentistas) de São Bernardo. Em 1987, após atuar em diversos cargos na entidade, Hiromassa assumiu a presidência, onde permaneceu por um ano.

Para ele, a marca de sua gestão foi o início da construção da sede da APCD, localizada na Avenida João Firmino e que é hoje referência para dentistas do Grande ABC. “Atualmente sou diretor da Escola de Aperfeiçoamento Profissional, que fica em nossa sede e oferece diversos cursos de Odontologia”, destaca. “Sou muito grato por ter realizado esse sonho de atuar em uma profissão fascinante, apaixonante e transformadora.”

MELHORIAS

dentista-jorge-marini-3

Jorge Marini atua em S.Caetano

Graduado em 2001 pela Unesp (Universidade Estadual Paulista), em Araçatuba, Jorge Marini atua desde 2008 na Clínica Odontológica Zampa, no bairro Santa Paula, em São Caetano, em parceria com a mulher, Danutte Zampa. Marini acredita que o reconhecimento do dentista na sociedade é muito maior que no passado. “É uma relação de confiança. Hoje todos têm em mente a importância da saúde bucal e buscam cuidar dos dentes.”

Ele também destaca que o desenvolvimento tecnológico auxiliou a imagem da profissão. “Procedimentos antes demorados e dolorosos são feitos rapidamente hoje, e praticamente sem dor, como, por exemplo, o tratamento de canal.”

 

dentista-jorge-marini-1-1

Marini e a mulher, Danutte Zampa: paixão pela Odontologia

Com especialização em Endodontia (área que trata das doenças e lesões que afetam a polpa e a raiz dentária) e diversos cursos na área, tais como implantodontia, dentística restauradora e laserterapia, Marini acredita que a profissão só tende a crescer. “Para mim, é motivo de orgulho cuidar da saúde das pessoas.”

ORIGEM

O Dia Mundial do Dentista surgiu por causa da criação do primeiro curso de formação para odontólogos, em 1840, em Baltimore, nos Estados Unidos. No Brasil, a profissão também é celebrada no dia 25 de outubro por conta da publicação, em 1884, do Decreto de Lei nº 9.311, que criou os primeiros cursos de graduação em Odontologia no Brasil, nos estados da Bahia e Rio de Janeiro.

Posts relacionados

Deixe um comentário: