Novo ano com dança, gastronomia e muito mais na Liberdade

Compartilhe:
Previous Image
Next Image

info heading

info content


 

Tradicional reduto oriental, o bairro paulistano Liberdade estará em festa amanhã e domingo. O motivo são as comemorações do Ano-Novo Chinês. O evento é gratuito e contará com extensa lista de atrações. Entre elas, as danças do Dragão, do Leão e do Leque.

A programação inclui haverá show de troca de máscaras chinesas Bian Lian, apresentação de coral infantil e adulto budista, desfile de roupas típicas e releituras de canções do pop chinês feita por brasileiros. Outras atrações como Feng Shui, Tai Chi Chuan, Qi Gong e Artes Marciais também estarão presentes.

As crianças poderão se divertir no Espaço Família e ainda terão a possibilidade de aprender a fazer o nó e o origami chinês. Barracas de souvenirs como chapéus chineses, canecas, camisetas e bichos de pelúcia farão parte do evento.

A gastronomia também terá vez nas 18 barracas montadas com pratos típicos, com valores que variam de R$ 15 a R$ 20. É esperado público de 200 mil pessoas nos dois dias da festividade. Que saber mais? Leia, abaixo, informações divulgadas pela organização do evento e que contam também um pouco sobre a história da celebração:

 

 Comunidade chinesa convida todos para celebrar o Ano da Cabra

 Considerada a cerimônia mais importante do calendário chinês, o Ano-Novo é uma celebração tradicionalmente familiar, dedicada ao agradecimento à terra, aos céus, aos deuses do lar e aos ancestrais da família.

No Brasil, o Ano-Novo Chinês é comemorado há dois séculos, desde que os primeiros imigrantes desembarcaram no Rio de Janeiro com auxílio da coroa portuguesa para introduzir a cultura do chá na agricultura nacional.

Diferente do tradicional branco, usado para simbolizar a paz na virada do ano em nossa cultura, a cor predominante da celebração chinesa é o vermelho, usado para espantar os maus espíritos, trazer prosperidade e boa sorte.

Comemorado oficialmente há uma década em São Paulo, onde se localiza a maior colônia chinesa do País, o evento público já é considerado o maior do gênero fora da China e ocorrerá nos dias 21 e 22 de fevereiro.

Para celebrar o Ano da Cabra, a comunidade chinesa trará uma série de apresentações. Entre elas, o tradicional desfile do dragão e do leão, para espantar os maus espíritos e trazer boas energias para o ano que começa; um culto ecumênico, com as principais lideranças das religiões chinesas no Brasil; e a tradicional cerimônia da prosperidade. Também haverá espetáculo de fogos de artifício.

Outras atrações como pintura chinesa, show de troca de máscaras Bian Lian, dança do leque, apresentação de corais infantil e adulto budista, danças com senhoras chinesas em trajes típicos, pop chinês, Feng Shui, Tai Chi Chuan, Qi Gong e artes marciais também farão parte da festividade.

NOVIDADES

Este ano nossa festa será marcada por duas novidades: a exposição denominada A Cultura Chinesa e sua Influência em nosso País, além de um setor educativo que recebeu o nome de Espaço Família. A criação e coordenação destas duas novas ações está sob responsabilidade do Instituto Sidarta, que tem como missão, há 20 anos, propagar a cultura e a língua chinesa para crianças e jovens.

A exposição ficará na praça central do evento próxima a saída do estação do Metrô Liberdade. Já o Espaço Família será organizado na Rua dos Aflitos. Neste local, funcionarão duas oficinas simultâneas e gratuitas para que as crianças possam vivenciar um pouco da cultura chinesa por meio de tradições milenares.  Além das oficinas, os visitantes do evento poderão fazer selfies tendo como cenário uma paisagem típica da China.

As comemorações ocorrerão em uma área de 800 metros quadrados e contarão com o apoio de 200 voluntários, Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana e seguranças particulares contratados pela organização do evento, que tem idealização e realização da JCI BRASIL CHINA e 21 TOMATES FRITOS.

GASTRONOMIA E CULTURA

A gastronomia chinesa é outro grande destaque da festividade. Ao todo, serão 18 barracas que comercializarão pratos típicos, como os tradicionais yakisoba, rolinho primavera e a pamonha chinesa. Quem estiver na festa poderá saborear o Jiǎozi (guioza, o bolinho recheado com carne e/ou vegetais e envolto por uma fina massa de farinha), cujo formato é similar às moedas chinesas da época imperial, simbolizando fortuna para o novo ano.

SUSTENTABILIDADE

A organização fixará, em caráter de exposição, uma máquina de coleta seletiva de latas de alumínio e PETs na Praça da Liberdade. A máquina, denominada de máquina de venda reversa, tem a tecnologia de reconhecer se o produto é uma lata ou PET, e reverterá ao usuário um cupom que poderá ser usado como desconto em uma das barracas de souvenirs ou bebidas da organização.

 

SERVIÇO

Evento: Ano-Novo Chinês – Ano da Cabra

Data: 21 e 22 de fevereiro

Horário: das  12h às 20h (sábado) e das 11h às 18h (domingo)

Local: Praça da Liberdade – São Paulo

Site: http://anonovochines.org.br/

 

Posts relacionados

Deixe um comentário: