Em S.Bernardo, Chácara Silvestre é palco do Dia Mundial do Rock

Gostou? Clique e Compartilhe:

Organizado pela Prefeitura, em parceria com o Coletivo Rock ABC, evento ocorrerá no domingo (14/07), a partir das 12h, com a presença da banda Korzus e de grupos selecionados no projeto Sons do Fone

 A  Chácara Silvestre (Avenida Wallace Simonsen, 1800, Nova Petrópolis), a emblemática residência do primeiro prefeito de São Bernardo, Wallace Simonsen, será palco neste domingo da celebração do Dia Mundial do Rock. O evento será das 12h às 18h e é organizado pela Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Cultura e Juventude, em parceria com o Coletivo Rock ABC. As atrações são a banda Korzus, tradicional grupo de metal paulista, além de grupos inscritos no projeto “Sons do Fone”: Grinding Reaction, Reghency Blastrash, Reattor, Invokaos e Morfolk. 

Dia do Rock (2)“A Secretaria de Cultura e Juventude cumpre com o seu papel de abrir espaço para bandas que dialoguem com o público jovem e dá andamento ao projeto Sons do Fone, que é fruto do diálogo da Pasta com os diversos segmentos culturais da cidade, em especial aqueles ligados à juventude”, afirmou o secretário de Cultura e Juventude, Adalberto Guazzelli. 

GRATUITOS

Além dos shows gratuitos, o evento terá praça de alimentação e Feira de Economia Criativa. Quem participar do evento também poderá participar da Campanha do Agasalho, levando roupas em bom estado, e a doação de 1 Kg de alimentos não perecíveis. As doações serão destinadas ao Fundo Social de Solidariedade de São Bernardo. 

ATRAÇÕES

A banda Korzus foi formada em 1983 e deixou seu nome gravado na história do rock e do metal nacional. Com sete discos de estúdio, mais dois ao vivo e a participação na coletânea SP Metal 2, o grupo também marcou presença na edição de 2011 do Rock in Rio. Atualmente a banda continua no processo de divulgação do mais recente trabalho de estúdio, “Legion”, de 2014. 

As bandas Grinding Reaction, Reghency, Reattor e Invokaos são do Grande ABC e apresentam material autoral, o que mostra a importância do projeto Sons do Fone para a divulgação da produção musical da região. A paulistana Blastrash e a joseense Morfolk, também apresentam músicas próprias e apostam nas vertentes mais pesadas do rock. 

PROJETO SONS DO FONE

A iniciativa foi desenvolvida pela Prefeitura de São Bernardo, por meio da Secretaria de Cultura e Juventude. Trata-se da primeira edição, que tem objetivo de dialogar com o público jovem e dar espaço para os músicos da região para que se apresente nos equipamentos municipais nos meses de março a dezembro. O edital foi lançado em dezembro e 126 bandas se cadastraram.

Texto: Kati Dias / Foto: Divulgação

Gostou? Clique e Compartilhe:

Posts relacionados

Deixe um comentário: